AFETOS

Esta tarde celebraram-se os afetos.
Um grande conjunto,
desenhado à mesa da grande sala.

Uma euforia desmedida, incomportável…
Quase a encontrar as mãos e a boca,
como um beijo seminu!

Um local marcado, como um encontro.
Uma réstia de amargura
a fazer a conta das nossas pequenas ilusões!

1 thought on “AFETOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *